sábado, 30 de junho de 2018

Medidores de Gás: Erros de Unidades de Medida

Em alguns países de língua inglesa, apesar da adoção oficial do sistema métrico, devido aos hábitos ou costumes, as antigas medidas imperiais ainda continuam presentes na vida cotidiana. A convivência com os dois sistemas de medidas, às vezes levam a confusões, podendo essa situação causar incidentes desagradáveis.
Em recente acontecimento no Reino Unido, uma das maiores empresas fornecedoras de gás (O.EN) admitiu que alguns de seus consumidores de gás pagaram incorretamente suas contas devido à aplicação enganosa de unidades de medida. Considerando outros fornecedores de energia, estima-se que esse tipo de erro pode ter causado prejuízo a milhares de consumidores.
No Reino Unido, em virtude do programa de metrificação, os antigos medidores imperiais de gás se encontram em processo de substituição por modernos medidores métricos. Assim, os consumidores têm medidores instalados em suas propriedades para registrar o volume de gás ou em unidade imperial ou métrica. Os medidores imperiais medem o volume de gás em pés cúbicos (ft³), enquanto que os novos medidores métricos medem em metros cúbicos (m³). Por causa da diferença na maneira como o consumo de gás é medido, os fornecedores de energia precisam converter as leituras dos medidores em uma unidade comum, dada em kilowatt-hora (kWh), para efeito de cobrança das contas. No entanto, no período de ocorrência do equívoco, os fornecedores de energia cometeram erros básicos na interpretação da leitura de seus medidores envolvendo as unidades pé cúbico e metro cúbico. Os erros beneficiaram consumidores cujos medidores métricos foram lidos como se fossem imperiais. Mas eles têm sido prejudiciais para outros consumidores, cujos medidores imperiais foram lidos como se fossem medidores métricos. O erro, para mais ou para menos, corresponde à proporção do fator de conversão entre as unidades envolvidas (1 pé cúbico = 0,0283 metro cúbico). A confusão no cálculo do consumo final de gás resultou em uma tarifa a maior ou menor na conta estimada de 11.000 consumidores.
A Ofgem (Office of Gas and Electricity Markets), uma Autoridade Reguladora Nacional no Reino Unido, na época, informou que qualquer consumidor que tenha sido sobretaxado receberá um reembolso com juros e aquele que foi subtaxado não terá que pagar nenhuma diferença.
Fonte: The Guardian; BBC e Ofgem
Crédito: GOV.UK
Escalas de medidores de gás imperial e métrico
A figura superior ilustra um mostrador de medidor de gás métrico (metro cúbico) e o inferior mostra uma escala de medidor imperial (pé cúbico). Os consumidores anotam as leituras marcadas na cor preta e enviam aos fornecedores de energia para fins de faturamento.

Um comentário:

  1. Prezado Olson
    Parabéns por esta e todas as outras postagens, conteúdo de ótima qualidade!
    Flávio

    ResponderExcluir